domingo, 14 de dezembro de 2014

FOGO?

Olha-me.
Isso! De um lado.
Agora do outro.
Olha com cuidado,
Não perde os detalhes.
Sim, os detalhes.
Concentra-te.
Estás vendo?
Vamos, sei que consegues.
Fixa e vem.
Percorre tudo.
Cada dobra do meu corpo,
Cada promessa de movimento.
Vês?
Sim, queimo.
Ardo do prazer
Dos teus olhos em mim.

5 comentários:

Rogerio G. V. Pereira disse...

Fogo?
Não, jogo!

A jogar também se arde

Palavras disse...

Oi Gisa,

Mais uma linda obra como tudo que voce escreve.

Passei para deixar um abraço e desejar boas festas para você e sua família.

Um 2015 de muita saúde, paz no coração e alegria de viver!

grande abraço

Leila Rodrigues

Manuel disse...

Mesmo um desafio, mas um belo desafio.
Deixemos o fogo aquecer o que jã a arder!

heretico disse...

fogo que derrete...

beijo

Juan Antonio Torron Castro disse...

Buenas Fiestas y Muy Feliz Año 2015

Saludos afectuosos.-