domingo, 9 de março de 2014

CONTORNOS

Na nuvem escura
Vislumbro teu rosto.
Acompanho o vento,
Transformando contornos,
Fazer-te feliz.

8 comentários:

AC disse...

O anseio de viver
Intensamente
A procura de um lugar
Abrangente
A confrontação com o pulsar
Da gente
A certeza de seguir
Em frente
Lutando para ser feliz
Eternamente
...

(Gisa, espero que as coisas, no novo mister, estejam a proporcionar vivências gratificantes)

Beijo :)

Cidália Ferreira disse...

Um pensamento bom...Gostei

Bom Domingo.
Beijos

http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

Rogerio G. V. Pereira disse...

Não transformes todos os contornos que contornam a felicidade desejada... Há contornos que devem permanecer, como os do teu rosto, como os do teu desejo!

Rosemildo Sales Furtado Furtado disse...

Lindo Gisa! Pequeno na estrutura, porém, gigante na profundidade.

Beijos e uma ótima semana para ti e para os teus.

Furtado.

Ives disse...

Contornos do tempo, do ar, e das nuvens raras!
olá, amei seu blog e poesias, abração
http://ives-minhasideias.blogspot.com.br/

Nilson Barcelli disse...

Os mimos também nos trazem felicidade...
Belo, como sempre.
Gisa, tem uma boa semana.
Um beijo.

Flor de Jasmim disse...

Que essa dar essa felicidade que anseias.

beijinho e uma flor

CHIICO MIGUEL disse...

Gisa,
Lindo este teu poema.
Mas, Gisa, querida, "em mundo em que nuvem tu de escondes?", estou fazendo a mesma pergunta que o poeta Castro Alves feza Deus. Eu sei que você é uma deusa, mas precisa lembrar-se de nós, pobres padecentes de solidão.
Abrs e xs.
chico