sexta-feira, 1 de fevereiro de 2013

VOLTA

Voltei.
Já não tão obstinada em construir sólidos castelos
Que as nuvens não conseguem suportar.
Agora quero levantar choupanas,
Na beira da praia.
Sem alicerces.
Feitas de gravetos, folhas e algumas toras mais frágeis.
Fáceis de fazer e totalmente
Descompromissadas.
Deverão durar
Somente o necessário
Para fluir
Entre o dia de sol e a noite de tempestade.
Tempo esse
Exato para sonhar
Sem desperdícios.

12 comentários:

PERSEVERÂNÇA disse...

Sempre recomeçar, caminhar em uma esperança infindavel.
Nunca desistir pela dor e sim persistir pelo amor.
amei seu poema.
Seus escritos são um encanto, abraço
Nicinha

Rogério Pereira disse...

"Entre o dia de sol e a noite de tempestade."
Teve a ausência uma filha
Que se chamou saudade
Sustentei mãe e filha
Bem contra a minha vontade

(Isto já estava escrito,
limitei-me a plagiar...)

Henrique ANTUNES FERREIRA disse...

Gisalindamiga

Eu também voltei - mas foi do pesadelo em que vivi desde Maio do ano passado até há 12 dias. Ou seja, de parvo voltei a ser o maluco habitual...

Abrç no maridão, qjs às mininas e um grandão para tu. A Raquel ficou muito em baixo de tanto me aturar. Mas, pronto, sinto-me mesmo bastante melhor

Eu

Henrique ANTUNES FERREIRA disse...

Adenda

Os gatões estão cada vez mais enlevados com as gatonas...

... e eu tamém

Henriquinho

ANTONIO CAMPILLO disse...

¡BIENVENIDA, QUERIDA GISA! Volver siempre es bueno por reencontrarse con la vida cotidiana. Siempre es malo porque acaban las vacaciones que deben de haber sido estupendas y en las que todo aquello que no se puede realizar día a día es, precisamente lo que se vive.
Desearía que continuasen tus vacaciones y fueses muy feliz.

Un fuerte abrazo, querida Gisa.

Mz disse...

Seja bem-vinda ainda que apenas com o necessário mas com sonhos, claro!

Um abraço,
mz

Silenciosamente ouvindo... disse...

Então bom regresso.
Como sempre com posts muito
interessantes.
Tenha um bom fim de semana.
Bjs.
Irene Alves

Cris Campos disse...

Lindo amiga! Mais sonhos e menos ilusões. Gr. Bj.!

Flor de Jasmim disse...

Bem vinda Gisa!
Quando se sonha não existe desperdícios.
Bom fim de semana querida

beijinho e uma flor

*Escritora de Artes* disse...

Belo texto...

Seja bem vinda querida amiga...estava com saudades..

Bjos

Andradarte disse...

Diria eu....'Amor e uma cabana'...
Bom regresso.
Beijo

Fê Blue bird disse...

Bem vinda amiga Gisa já sentia a sua falta!

O sonho comanda a vida!

beijinho