domingo, 8 de janeiro de 2012

RETALHOS

Mais um retalho foi colocado com cuidado.
Terminado o trabalho olhou o resultado final.
Assustou-se ao perceber que muito pouco havia do pano original.
Deu de ombros.
Sabia que nada era eterno.
Duraria mais um tempo ou dois, com muito otimismo.
Resolveu que antecipar preocupações lhe faziam mal.
Tudo tem o seu momento de ocorrer.
E quando o roto tecido rompesse em definitivo,
Talvez nem mais lhe causasse a tristeza que agora sentia.
Fechou a caixa de costura, estampou o seu mais belo sorriso
E saiu para o sol.

16 comentários:

Carla Ceres disse...

Oi, Gisa! Parece que essa foi de encomenda pra mim. Tenho exagerado nas preocupações. Beijos e obrigada!

Mery disse...

Lindo!
Retalhos*... "uma pérola" foi o que escreveste; antecipar preocupações(?)...Ah! Se pudéssemos não sofrer pelo q ainda nem aconteceu, que bom seria.
Bjuss

Mª LUISA ARNAIZ disse...

¡Qué optimismo! Así habría que actuar. Un abrazo.

Sonhadora disse...

Minha querida

Adoro ler as entrelinhas dos teus poemas.
Não adianta nada preocuparmo-nos antes de tempo...quando o tecido ficar rasgado e não houver maneira de o consertar (e por vezes quando está muito gasto rompe-se logo a seguir), é melhor deitar fora e seguir em frente.

Deixo um beijinho com carinho
Sonhadora

QUIM disse...

amei esse texto..a simplicidade e a mensagem de uma ternura imensa..me conquistou.bj e bom domingo.

Rogério Pereira disse...

PERSISTÊNCIA

(Eu sei
Ela mente sem saber
que o está a fazer
É persistente
mesmo que o roto vestido
rasgue novamente
voltará a fazer
o que disse ter feito
Voltará para o sol,
com o mesmo sorriso
satisfeito)

iglesiasoviedo disse...

Todo ocurre en su momento y nada ocurre por azahar, es el resultado de nuestras actitudes anteriores.
No nos preocupemos por adelantado, no tengamos miedo a lo que vendrá, busquemos lo deseado y lo encontraremos, cojamoslo y disfrutemoslo, no nos arrepentiremos.
Un beso con amor.

iglesiasoviedo disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
ANTONIO CAMPILLO disse...

La entereza de espíritu es una virtud que muy pocos humanos poseen. Aceptar el paso del tiempo y el deterioro con la cara alta es lo que llamamos dignidad.

Un fuerte abrazo, Gisa.

Fernando Santos (Chana) disse...

Belo texto...Espectacular....
Cumprimentos

Henrique ANTUNES FERREIRA disse...

Gisalindamiga

Saiu para o sol; saíste para o sol. Que bem o dizes, que bem sinto o que dizes. E não são retalhos. São peças de um puzzle que se chama vida.

Abç ao Edu, qjs diversos e um muito repenicadinho para tu

。♥ Smareis ♥。 disse...

Andei me lendo nesse texto.
Maravilhoso seu post.
Estou de volta depois de uns dias ausente. Tudo de bom em 2012!
Desejo uma semana imensa de coisas boas. Obrigada pelo carinho da amizade...Um abraço!

OceanoAzul.Sonhos disse...

Tantos são os retalhos da vida, que por vezes mais vale esquecer tudo e sair para receber o abraço do sol.

beijinho
oa.s

Rô... disse...

oi Gisa,

parece que leu meus pensamentos,
ou minhas preocupações...
acho que vou seguir seu conselho
e fechar a caixa de costuras...

beijinhos
vou sair uns dias,
mas volto logo

ॐ Shirley ॐ disse...

Gostei dos seus escritos, denota muita sensibilidade, Gisa. Abraços!

ॐ Shirley ॐ disse...

Gisa..."denotam", rs. Beijo!