quinta-feira, 5 de maio de 2011

CHÁ

Olho fixamente para as seis partes do todo e passo ao chá
Com o primeiro quero conversar e tomar chá em meio de um jardim repleto de preciosas flores de diversas tonalidades, texturas e com os mais belos aromas. Descanso.
Com o segundo quero conversar e plantar chá em meio a sua horta tão bem cuidada onde, ao final, ouviremos o canto dos pássaros a nos saudar a amizade. Confio.
Com o terceiro quero conversar e servir chá na mais bela baixela de prata, combinação perfeita a suas telas tão repletas de brilho e vida. Sorrio.
Com o quarto quero conversar e ouvir sobre as delícias do preparo do chá aula ministrada por suas estátuas tão lindamente ornadas em sua terra distante. Aprecio.
Com o quinto quero conversar e poetizar sobre o chá desfrutando da sua ousada companhia surgida das nuvens à bordo de um zepelin, todo vestido de branco e com uma flor nas mãos. Gosto.
Com o sexto quero conversar e ser bebida com o chá, quente e fumegante, em meio a uma noite de tempestade. Dissolvo.
Olho fixamente para as seis partes do todo e passo ao sonho.

19 comentários:

Rô... disse...

oi Gisa,

adorei o sexto,
quente e fumegante,
em meio a uma noite
d tempestade...

delicioso o sabor desse chá...
beijinhos

Richard disse...

Et moi, je pose la tasse de thé, je cesse de regarder les plantations, et je pose mon regard sur la jolie femme en face de moi...

Marinha disse...

Nossa, Gisa!!! Tens a ousadia dos que não contentam-se com a monotonia do todo! Somas quando divides; transformas em realidade quando sonhas.
Bjo, querida.

Sérgio Pontes disse...

Adoro chá =)
Gostei bastante deste post

Cores da Vida... disse...

Hum...!! Que delícia de chá!!

Adorei somar todas as vontades para em um só aplicá-las...

Beijos,

OceanoAzul.Sonhos disse...

Uma chávena de chá, sempre um motivo para uma boa conversa.
bjs amiga
oa.s

dja disse...

Um chá em dias de chuva nussaaaaaa leva sempre a boas conversas.

Gisa lindona, vc anda montando cenários calientes onde é impossível não sonhar ou ir aos sonhos, ou transformar sonhos em realidade.
Me deu inté saudade de um mala

beijos amiga querida.

Amapola disse...

Boa noite, querida amiga Gisa.

Tomar chá em boa companhia, é uma comunhão.

Um grande abraço.

Vera Lúcia Duarte disse...

EMPOLGANTE A MANEIRA COMO VOCÊ CRIOU OS CENÁRIOS
DA POSTAGEM.
BJ.

MARILENE disse...

Cada pessoa desperta um sentimento diferente, o que nos faz escolher o que com ela vamos partilhar. E o que temos de mais saboroso fica para quem nos envolve mais, nos faz, de fato, viver. Se é sonho, não importa, é parte do caminho para se chegar lá.

The Tame Lion disse...

Eu prefiro o chá ao café. :)

Non je ne regrette rien: Ediney Santana disse...

gosto de cha de hortelã

jeanfi disse...

Tu sais Gisa, je suis un grand amateur de thé, alors prendre un thé devant une belle toile que du plaisir...
http://galeriejean-philippeverselin.blogspot.com/
voilà le lien de ma galerie, nous pourrons regarder une toile ensemble comme cela... sourire.
je t'embrasse mon amie de l'autre côté de l'océan.

Bergilde Croce disse...

Sensualidade à flor da pele.Cada desejo vai tomando gosto em nossos sentidos e emoções.
Abraços,

Alexandre da Fonseca disse...

LINDO TEXTO! ACHO QUE VOU TOMAR UM CHÁ...SUCESSO E MUITA PAZ...BJS VISITE: WWW.INSTITUTOEUQUEROPAZ.BLOGSPOT.COM

Stephaine disse...

hello there I also like tea so much..

on the other note I did pass it on an award that was passed tome.

please do check this link to collect the blog award I hope you like it.

http://subanlife.blogspot.com/2011/05/first-award-this-blog-got.html

Déya disse...

Humm cheiro de hortelã , mangericão também é bom, pode ser maçã com canela!
Aceito uma xícara, e me dissolvo no quentinho
do coração, tiro o cachicol e me ponho a dançar...

Um beijo amiga querida..

Carla Ceres disse...

Depois de versos ferventes, cidreira, pra acalmar. Beijos!

Lufe disse...

Bom mesmo é ser o sexto, que alem dos outros pendores, ainda a sorve como um chá, quente, fumegante em uma tarde chuvosa. Ao sorve-la em sua baixela de prata, lentamente, ele passeia pelos jardins, cultiva sua horta, pinta suas telas, poetiza a bordo de um zepelim e se dissolve num sonho.....

bjo