segunda-feira, 1 de agosto de 2011

AQUÁRIO

Mergulhou no aquário e foi ao fundo.
Passou um, dois, três, quatro, cinco momentos,
Não retornava.
Quem espiasse pelo vidro
Conseguia vê-la
Deitada olhando para cima.
Olhos fixos, boca entreaberta, corpo em repouso absoluto...
Nunca mais saiu de lá.
Com o tempo, os sedimentos cobriram seu corpo.
Dele só restou um ou outro facho de luz alaranjada
Que eventualmente escapava por entre as conchas e a areia,
Aquecendo os peixes
Que não compreendiam
Por que gostavam tanto de passar por ali.

11 comentários:

Richard disse...

L'aquarium restitue une image qui peut être fausse. Comme les lunettes. On ne voit souvent que ce que l'on veut bien voir. Alors, nettoyons les verres. Regardons la réalité.
Bon début de semaine, Gisa!

Eu, Meu Contrário e Minha Alma disse...

Os três
chegámos de uma só vêz
Mergulhamos ao sexto momento
Salvá-la era o comum pensamento
Meu Contrário
ficou nadando junto à borda do Aquário
Minha Alma ficou treinando
técnicas de reabilitação
e Eu, no sétimo e oitavo momentos,
removi todos os sedimentos
Minha Alma perante o espanto dos peixes
fez o necessário
Agora ela repousa, livre de perigo,
para lá da borda do aquário
Salva ao décimo momento
com os peixes esfriando
chorando
seu profundo lamento

Vitalina de Assis disse...

Hola amiga!

Causou-me uma profunda impressão seu poema. Não sei se desistiu de viver, ou se já era o tempo de entregar-se. Tanta passividade incomodou-me.

Aquário tem destas coisas. Melhor tentar, a todo custo, alcançar o mar.

Bjs. Parabéns, são reflexões deste porte que nos tiram do lugar comum.

Flor de Jasmim disse...

Gisa
Intenso!!! Arrepiei...mas gostei.
Beijinho

FRANK RUFFINO disse...

Gisa amigo poeta:

Seu texto tem me agradou muito bom cantar em homenagem a esse outro mundo dentro de nossa, que é o mar. Bom parar por seu lugar de poesia, eu títulos.

Amizade e abraços fraternos em poesia real,

Frank Ruffino.

Marinha disse...

Forte e triste!!!
Bjoooo, querida amiga.

Arnoldo Pimentel disse...

Muito belo e profundo poema, parabéns.Beijos

Betha Mendes disse...

Uma bela imagem, gisa!

bj

Betha

Catia Bosso disse...

Mergulhemos fundo no oceano de nossas vidas...


bjsss meusss

Catia

OceanoAzul.Sonhos disse...

Pois que em nosso mergulho na vida tenhamos capacidade de retornar ao cimo e desfrutar o que de melhor há nela.

Um abraço Gisa.
oa.s

Carla Ceres disse...

E, depois de muito tempo, ela virou um fóssil de estrela-do-mar luminosa. :) Beijos!