sábado, 9 de julho de 2011

DESMASCARADA

Flagrada, sorrio perplexa!
Como posso ter relaxado tanto a guarda
Ao ponto de perceberes o truque da mágica?!
Respiro fundo e penso, foi só dessa vez, nunca mais irá se repetir.
Só ainda não consigo conviver com a alegria que isso me causou.

13 comentários:

Sandra disse...

Se te fez feliz, deixa repetir...
Beijinho Gisa

iglesiasoviedo disse...

Disfruta de la alegría, saborea y bébela a sorbos cortos, paladeando cada segundo de alegría y goce.
Solo por una vez?, por que no repetir y dejarse engañar por un truco que te hará feliz.
Un beso.

Silenciosamente ouvindo... disse...

Pois há que disfrutar...
Bom fim de semana para si.
Beijinho
Irene

Andradarte disse...

Queria ensinar o truque...e não sabia como.....
Tá bom....Há alegrias que não têm preço....
Beijo

Vieira Calado disse...

A alegria , por vezes,
também é difícil...

Bjsss

Janaina Cruz disse...

Nada como uma boa surpresa não é minha amiga?

As vezes é melhor correr riscos do que nunca saber o que gosto tem... rs

Amei, por isso acendo o seu +1, se podesse acender 1000 vezes eu acenderia...

Abraços, ótimo fim de semana

wcastanheira disse...

OI vizinha, q bom ter vc lá em casa me sinto tão em POVO NOVO q vc sequer pode imaginar, qdo passar por la´joga um beijinho deste poeta saudoso, em agosto se DEUS qser estarei por lá um pokiiinho, pra vc bjos, bjos e bjossssss

Julie disse...

"Un santo triste, es un triste santo" Eso decía Santa Teresa. La alegría es nuestro pan del espíritu. Precioso poema. Besiños.

Flor de Jasmim disse...

Gisa
Repetir é dificil, nada é igual cada momento tem o seu encantamento, mas ai que desfrutar.
Beijinho

Luís Coelho disse...

De quando em vez somos apanhados nas curvas da distracção. Nem sempre é bom. Por vezes ficamos até comprometidos....

Aqui foi bom e quem sabe se não começa a sentir-lhe o gosto...?
É bom acordar assim levemente de um sonho que se torna real e muito agradável.

Álvaro Lins disse...

Com que então truque!?Loll
Bjo

Sérgio Pontes disse...

Gostei muito, beijinhos

Rogério Pereira disse...

Não sempre,
mas de quando em vez
baixa a guarda
A vida
não pode ser
para ser vivida
um continuo defender
(Embora ele não seja de desistir
isso pode acontecer...)

Ah, e quanto a repetir
basta um teu querer

(Conviver com a felicidade?
Dificuldade?
Nunca tal ouvi, por aqui...)