segunda-feira, 12 de setembro de 2011

VENCIDO

Pensa que disfarça
Crê que não percebo
Finjo que não vejo
Acredito que iludo
E nesse jogo de avanços e recuos
Seguimos no tabuleiro
Pulando de casa em casa
Querendo ser vencido
A todo custo.

18 comentários:

Dilmar Gomes disse...

Amiga Gisa, a vida para nós, pobres mortais, seria um tabuleiro de xadrez?
Um grande abraço. Tenhas uma linda semana.

Dois Rios disse...

Gisa querida!

Ser vencido pelo amor é a mais grata e deliciosa forma de perder.

Um terno beijo,
Inês

Richard Moisan disse...

Mourir à cause de l'amour... Quoi de plus beau?

Vinicius.C disse...

Ser vencido pelo amor, é uma delicia. Um tió de trégua boa!

Um forte abraço e um ótimo inicio de semana!

Espero por vc no Alma!

Rogério Pereira disse...

Disfarça?
Percebe?
Finge?
Vê, não vê?
Ilude?
E nesse jogo de avanços e recuos
Segue no tabuleiro
Pulando de casa em casa
Querendo ser vencido
Veremos depois
Se vencedores não serão... os dois

ANTONIO CAMPILLO disse...

En el tablero de la vida queremos fingir y ganar a cualquier precio.
Sigo pensando, Gisa, que es mucho mejor leerlo en el idioma original.

Un fuerte abrazo.

Ivone Poemas disse...

Olá, me dei ao prazer de estar aqui e ler seus posts lindos!
Lindo blog!
A Vida é assim, um verdadeiro jogo de xadrez, gostei dos seus versos!
Abraços
Ivone poemas
henristo.blogspot.com

Meus blogs: "poemas sem peias" e "levitar em brancas nuvens"

Hugo Nofx disse...

muito curioso...
bjs.

Eva Gonçalves disse...

Adorei o comentário do Rogério... acertadíssimo...rrss beijinho

Renato Hemesath disse...

Olá Gisa! =D

Adorável a linguagem construída nestes versos! Sim, na vida precisamos muitas vezes de "jogadas de Mestre" e para tanto, é preciso prática e só a alcançamos conforme nos descobrimos.

Bjs, ótima semana prá ti.

Rebeca Estrela disse...

As vezes ser vencido é bom. O amor sempre nos vence, e nós, na maioria das vezes, agradecemos.

Palavras disse...

Oi Gisa,

Vencer, ser vencido, iludir, ser iludido...

Tudo um grande jogo!

Abraços

Sérgio Pontes disse...

Muito bem, beijinhos

Anne Lieri disse...

Gisa,são os jogos do amor que podem levar a desilusoes, mas algumas vezes pode dar certo tb!Linda poesia!Bjs,

Gaby Soncini disse...

Boa surpresa ter descobrido seu blog ^^

Beijos!

Carla Ceres disse...

Final brilhante! Só podia ser um poema seu, Gisa. Beijos!

OceanoAzul.Sonhos disse...

Gisa, a vida é este tabuleiro, mas jogos não me parece que valham a pena.

Sempre um prazer ler-te.
beijos amiga
oa.s

。♥ Smareis ♥。 disse...

Oi Gisa, fiquei imensamente feliz com sua presença.Estarei sempre aqui te lendo. Muito obrigada. Será sempre muito bem vinda. Bj grande no coração!
Smareis