segunda-feira, 25 de abril de 2011

TRAIÇOEIROS

O rosto é impassível.
A postura é irretocável
O sorriso é enigmático
As mãos são comedidas
O corpo é circunspecto
Mas os olhos...
Ah!
Os olhos tinham que estragar tudo?!

22 comentários:

Leonardo B. disse...

[os olhos, águas soltas no tanto mar, ondas que o rosto tanto e tantas vezes quer negar, faz por negar...]

um imenso abraço, Gisa

Leonardo B.

Jasanf disse...

Amada, não se esqueça do selo do "blog versátil" que se encontra em meu blog para você. Passe lá para pegar e distribua-o. Abraço.

mizia disse...

Lindo seu blog ! ... Gostei e já estou seguindo.
Fiquei Feliz com sua visita ao meu cantinho. Seja bem - vinda, Amiga !
Beijinho

Olga disse...

Sim, você está certo. Às vezes os olhos podem arruinar a impressão de todo. Lindo!

Carla Ceres disse...

Oi, minha linda! Às vezes, quebrar a circunspecção até que é bom. Beijos!

Quino disse...

Los ojos son esa mirada profunda, cristalina, que en ella destellamos todo lo que somos de una forma positiva o no tanto... Pero que sería sino los tuviéramos?

Beijos Gisa. Moi ben neste poemiña...

Rô... disse...

oi Gisa...

os olhos dizem tudo minha amiga,
principalmente o que a boca se recusa a falar...
lindo post,

muitos beijinhos

jeanfi disse...

Oui tu as raison... Gisa !
Peut-être que ce voleur de poème, qui te demande de m'enlever de tes lecteurs à de mauvais yeux, en copiant mes poèmes (n'est ce pas Jasanf, avais vous regardez vos yeux lorsque vous copier lâchement des poèmes ?)
bises

Léo Santos disse...

Perfeita descrição poética. Tu é muito boa, guria! Vale a pena te ler.

Um abraço!

Julie disse...

Los ojos nunca mienten... Muy bello. Besos.

Lufe disse...

Quando toda a postura corporal que observas te leva a um caminho contrario ao olhar, segue pelo caminho do olhar....
O problema se instala quando s nossos olhos revelam tudo aquilo que queremos ocultar....

bjoca

Paulo Tamburro disse...

GISA.

sou seu mais novo seguidor.

Achei seu blog, muito poético, objetivo e competente.

Parabéns.

Só tenho uma coisa a lamentar, é que infelizmente, você nunca pôde olhar bem profundamente, dentro dos meus olhos, para sentir que a obra ai sim, ficaría completa, sem desilusoes: Garanto ! (rs).

Como sou otimista, quem sabe um dia? (rs).

Se puder vistar meu blog , Humor em Textos, ficaria, como se diz aqui no Rio de Janeiro, mais feliz do que pinto lixo.

Um abração carioca.

Richard disse...

Eh oui, le regard trahit souvent la pensée. Pour cela, nous regardons toujours nos interlocuteurs dans les yeux.
Même les animaux nous regardent dans les yeux. Il y a bien une raison, non?

iglesiasoviedo disse...

Precioso, magnifico tu poema como tu.
Los ojos son lo único que no se pueden engañar, las poses, la sonrisa etc. si.
Los ojos siempre dicen la verdad, nos delatan, no engañan.
Un beso cariñoso.

Rogério Pereira disse...

Isto?
Isto, não é comigo.
Traiçoeiro não é o meu olhar
O que me trai, é o sorriso
Quero-o largo,
sem pensar,
sai-me falso, quase um esgar

Suzana Martins disse...

O olhar, poesia traiçoeira que anima o desejo...

Beijos

OceanoAzul.Sonhos disse...

Os olhos transmitem o que nos vai no coração, impossível esconder.
beijinho Gisa.
oa.s

Catia Bosso disse...

Sensacional colocação! E que olhos são esses né!!!

bj.

Vera Lúcia Duarte disse...

Um luxo! Adorei. Os olhos realmente dizem tudo.
Por isso mesmo muitas pessoas não te encaram, falam olhando para baixo ou para os botões de
suas roupas.
Visite meu blog. Ficarei feliz com sua presença.
Estou te seguindo. Abraço.
(http://nuvemdeestrelas.blogspot.com).

Blog do Óbvio - Manoel disse...

E estragaram, não é mesmo Gisa?! Como sempre, o melhor da coisa é esse estrago. É uma catástrofe deliciosa.
Beijos com carinho no coração.
Manoel.

Sandra disse...

Os olhos serão sempre o melhor espelho da alma...

Déya disse...

É sempre o olhar quem nos delata...

beijos amiga querida..