quarta-feira, 11 de abril de 2012

ATUAÇÃO

"Luz! Câmera! Ação!"
Gritou o estressado diretor.
O set em silêncio presenciou
O desespero e o choro que tomou conta dela.
Atuava com afinco.
Enternecia corações.
Que atriz!
"Corta!"
Excelente cena.
Todos, satisfeitos, foram almoçar.
O silêncio, que deveria tomar conta do ambiente,
Entrou apressado, mas não conseguiu se impor.
Não sabia o que fazer para que os soluços cessassem 
O choro compulsivo ainda não havia se retirado do centro do cenário
Estava ensaiando para melhorar ainda mais seu desempenho
Na próxima tomada.

6 comentários:

Lua Nova disse...

Tam um ar de surreal, mas talvez seja so a vida como ela é... adoravel...
Sua presença no meu blog é um carinho pra mim e uma honra.
Beijokas.

Rogério Pereira disse...

Um filme publicitário à langerie
é tão difícil de fazer, assim?

(só não sei porque o guião
era... chorão)

ANTONIO CAMPILLO disse...

Esforzarse para contar una pequeña mentira: lloro falso.
Esforzarse para mejorar actuaciones paralelas y ser quien interpreta con más verosimilitud.
Las escenas bien interpretadas pueden ser reales o ficticias.
¿Cómo será esta?

Un fuerte abrazo, querida Gisa.

Zilani Célia disse...

OI GISA!
QUE INTERESSANTE TUA INSPIRAÇÃO,TALVEZ SEJA, PORQUE A ATRIZ, C-NESTE MOMENTO COLOCOU MUITO MAIS DE SI DO QUE APENAS INTERPRETAÇÃO...
ABRÇS

Zilanicelia.blogspot.com
Click AQUI

Palavras disse...

Acho que ela chorava porque tinha chegado o seu momento de desaguar... A próxima cena foi providencial!

Beijos Gisa

Leila

Carla Ceres disse...

Gostei da personificação do silêncio, Gisa. Beijos!