domingo, 1 de julho de 2012

CARTA

Vamos esclarecer pois
Os "is" têm pingos.
Aos "os" e "as" acrescentam-se "hs"
Para denotar espanto ou satisfação.
Os "tics" necessariamente 
Vêm seguidos dos "tacs"
Mostrando que as horas passam
E que talvez o "bum" seja ouvido 
A qualquer momento...
Assim, estabelecidas essas regras
Quero te dizer
Que com todos os  
"Ohs!"
Sempre terei muitos
"Ahs!"
Contigo.
E não importa a pressa dos
"Tics!"
E dos
"Tacs!"
Os 
"Bums!"
Entre nós 
Serão mais do que certo.
"Is" pingados
Despeço-me
Um
"SMACK!"

15 comentários:

Rogério Pereira disse...

Abri a carta
E li
Com a consciência
de estar praticando
violação de correspondência
Li tudo
Aquilo
A banal descriminação
de figuras de estilo
e formas de pontuação
Terminava numa despedida estranha
o que confirmava
não me ser dirigida tal carta

Voltei-a a fechar
e fui-a colocar
naquele mesmo local
onde a fora encontrar

SMAC?, que despedida estranha...

Anne Lieri disse...

Gisis,vc é super criativa,menina!Gostei dessa carta com esclarecimentos iniciais!...rss...bjs e bom domingo!

Andradarte disse...

Imaginação prodigiosa....
Boa semana
Beijo

Vinicius.C disse...

Nossa que show você deu!! Adorei!!

Peço que me desculpe por demorar, andei ausente contra minha vontade acredite! Bom estou de volta... kkk Um beijo enorme e muito obrigado por estar quando eu não. Beijo viu. Te espero no Alma!

Ana Andreolli disse...

um poema de simetrias, belissimo.

Patricia Galis disse...

Que graça, adoro sua criatividade. Tudo fica diferente, parabéns.

wcastanheira disse...

Uuau desta vez pcisarei retornar para estudar, vc deu-me um nó de explicações, mas acho q os pingos estão nos is, pra ti guria bjos, bjos e bjosssssssss

Paulo Francisco disse...

Um Smack pra vc também.

Evandro L. Mezadri disse...

Bela obra, Gisa!
Muito criativa.
Grande abraço, sucesso e grato pela visita!

ANTONIO CAMPILLO disse...

Querida Gisa, es el beso más bonito que he leído jamás.
Y no creas que no es una mala suerte tener que "leer" besos... Tu poema es tan original, concreto y desenfadado que es una delicia leerlo y releerlo.
Marcar el tiempo y ordenar palabras aparentemente desordenadas, cuyo inmenso significado cuando se pronuncian solas es tan sugerente como el momento en el que se vocalizan, requiere un especial sentido de "la gramática".
Delicado, primoroso y refrescante poema.

Un fuerte abrazo, querida Gisa.

Richard Moisan disse...

Que de beaux jeux de mots! Et pour toi, chère Gisa, un gros SMAAAAAAATCH!........

Silenciosamente ouvindo... disse...

Uma carta diferente...gostei.
Então, com sua licença, um
"smack!" para si.
Irene

Ricardo Miñana disse...

Muy buena la imaginación,
que tengas una buena semana.
saludos.

Sandra Subtil disse...

Chuac para ti :))
Maravilhosa criatividade.

JP disse...

Belas palavras Gisa, desamparadas (?), inocentes (?) e leves!


outro Smack também para ti!