segunda-feira, 16 de julho de 2012

Buscou a escada correndo
E a apoiou no céu azul tênue
Do início do amanhecer.
Subiu, cuidadosamente cada degrau,
Chegou no topo
Comemorando a etapa vencida.
Tirou do bolso um lápis.
Desenhou, com muito capricho,
Uma janela simples.
Abriu-a por completo
Debruçando-se sobre as flores
Que nasciam coloridas
Nos pequenos vasos logo abaixo.
Esperou o sol apontar seus primeiros raios.
Aplaudiu o espetáculo
Diante do estupefato astro
Que jamais poderia imaginar
Ter uma fã tão fiel!

16 comentários:

Cristiano Marcell disse...

Muito bonito, minha cara!

AC disse...

Fãs assim são sempre de aplaudir. E admirar.

Beijo :)

Filha do Rei disse...

Pessoas q nos admiram devem ser aplaudidis por nós.
Tenha uma abençoada semana. Bjs

Marisete Zanon disse...

Aaaaaaaaaaaaaahahahah! Que graça! Tanta simplicidade e fez um lindo poema...!
Uma ótima semana pra ti! Bjo.

Cloudy disse...

Sehr schön zu lesen...

Lieben Gruß
CL

Janaina Cruz disse...

Eu faço isso vez por outra minha amiga, muitas vezes acordo antes do sol, só pra vê-lo fluir com suas luzes vertentes o mundo que se move porque ele nasceu.

Flor de Jasmim disse...

Gisa
Ontem comentou o meu (folha seca) marido, hoje estou cá eu.

É de aplaudir quem admiramos, mas muitas vezes nem ligamos.
Adorei.
Boa semana minha querida amiga.

Beijinho e uma flor

Smareis disse...

Quanta lindeza nesse versos.Uma linda visão nessa janela.Um espetáculo encantador.

Ótima semana Gisa
Beijos grande em teu coração!

Afrodite Deusa do Amor. disse...

Olá adorei lindo!Parabéns beijos.

ANTONIO CAMPILLO disse...

Esos 8 m. 31 s. en los que la luz quiere llegar desde el Sol a velocidad vertiginosa, son los ideales para que la magia de este tiempo invite a la creación.
Esperar el instante en el que sobre la piel se nota el primer rayo de sol, habiendo vivido su enorme y veloz viaje, es una sensación que eriza el cabello, provoca un escalofrío y hace percibir el tibio calor que trae la luz.

Un fuerte abrazo, querida Gisa.

Sandra disse...

Venho com muito carinho agradecer a sua visita.
Desculpe a demiora, Mas ando mesmo sem tempo. Um grande abraço super carinhoso para você.
Que bom que veio...
Até mais,
Sandra

vieira calado disse...

Somos todos fãs do Sol.
Mais que isso: somos seus filhos reverentes!

Beijinho para si!

Cris Campos disse...

Ele do sol, eu de vç amada! Gr. Bj!

Carla Ceres disse...

Faz lembrar as propagandas de lápis da Faber Castell, Gisa. Bonito demais! Beijos!

João Gomes disse...

Que poema narrativo interessante, Gisa. Muito boa as imagens que você passa nos seus versos.

Joaõ Gomes do blog Lugar do Leitor (lugardoleitor.blogspot.com.br)

Também escrevo:diariosujo.wordpress.com

Voltarei sempre por aqui. Abraços.

OceanoAzul.Sonhos disse...

Lindissimo cenário!

beijinho
cvb