quarta-feira, 16 de março de 2011

AUSÊNCIA

Quando te olhei
Nenhuma emoção senti
Tentei buscar alguma imagem adormecida
Mas constatei que o sono era tão profundo
Que decidi não perturbar

20 comentários:

Jasanf disse...

Às vezes é necessário não perturbar para ser amado se fazer presente em nosso meio;e aproveitar ao máximo a presença dele e manter-nos sempre com autoestima acima e elevada para boas aventuras.

Lufe disse...

Categoricamente extinto.
Presente somente em catalogos arqueologicos, comprovação de que existiu em outras eras, mas perdido na poeira do tempo.
Quando rebuscando a memoria não se consegue achar nenhuma lembrança que traga algum sentimento, bom ou ruim......bau bau!

bjoca

Letícia Nunes disse...

Mortal indiferença!!

Bjinhos

Amapola disse...

Bom dia, querida amiga Gisa.

Virou a página, e pôs uma pedra em cima.

Um grande abraço.

Guará Matos disse...

É melhor assim. Para que tentar remexer o vazio?

Bjs.

Non je ne regrette rien: Ediney Santana disse...

"Nenhuma emoção senti
e quantas vezes é assim e quando menos pensamos as coisas acontecem
"

Bergilde Croce disse...

Quando se percebe a indiferença significa que realmente tudo está terminado.
A vida continua,bola pra frente!
Abraços,
Bergilde

Julie disse...

Ah! duele más la indiferencia de un amigo
que la puñalada de un enemigo... Besos.

Dave disse...

Muito bom, Gisa! Você manda bem demais, mulher!

Isso me lembro o trecho de uma música do Djavan que diz assim:

"Revê-la só foi ruim, por que nada me causou"

Ei, moça, muito obrigado pelo carinho de sempre, viu? Valeu mesmo!

Beijo.

Long Haired Lady disse...

quando é assim, não tem mais jeito...

Suzana Martins disse...

E adormeceu sem medo de acordar!!

Beijos

Carla Ceres disse...

Que delícia quando a gente pode olhar sem sentir nada, para quem já provocou em nós os melhores e os piores sentimentos! Beijos!

Déya disse...

Um dia também quero.
Espero poder.

beiJO querida minha.

Olga disse...

Parece verdadeiramente pacífico e um pouco triste.
Mas pode ser que eu estou errado. Eu amo como você expressar seus sentimentos.

R.B.Côvo disse...

Fez bem. Não o acorde. Abraço.

Tamii Serra disse...

Oi Gisa, é as vezes precisamos mesmo nos conter... escrevi algo sobre ser plural, mesmo querendo ser "individual" depois veja lá meu ultimo post.

Zé Carlos disse...

Olhe somente em frente menina.... asssim manda a vida!!!! Beijão do ZC

Marinha disse...

Nossa, amiga! Fim e ponto (pronto)!!!
Bjo, Gisa.

dja disse...

É amiga página virada e acabada.
é isso aí

Beijinhoss lindona.

C. disse...

It´s over!