segunda-feira, 7 de março de 2011

MULHERES

A mulher de quinze está ansiosa para que a vida comece
Logo, logo entra nos vinte, certa que tudo sabe e plena de independência
Mentirosa ela.
Medos, inseguranças e dúvidas a atordoam.
Tem que ser boa em tudo que se apresenta
Boa aluna, boa profissional, boa de cama...
É praticamente onipotente
Treme por dentro, sempre querendo agradar a todos
E com ar de desdém e enfado de quem está agindo com a maior naturalidade
Joga somente para a torcida
Entra nos trinta,
Situação começa a melhorar
A ansiedade ainda existe, mas está mais atenuada
Já se colocou em alguns pontos da vida
Começa a ganhar território
Com o terreno tranquilo parte para o autoconhecimento
Ainda joga para a torcida, mas começa a perceber que o jogo também é dela
Assim começa a prestar mais atenção aos seus próprios lances
Buscando objetivos cada vez mais próprios
Mulher de quarenta
Delícia.
Sabe o que quer, como quer, onde quer
Com quem quer, de que forma quer, a que horas quer
Já entendeu, há muito, que o jogo é só seu, para o seu prazer
Torcida? Se não gostar que vá embora, não se importa
Quer vencer o jogo somente para o seu deleite
E vence.
Santa maturidade!


21 comentários:

Dave disse...

Mulheres, mulheres, mulheres, o eterno mistério da humanidade...

Beijo!

ARFERLANDIA disse...

O sentir de quem venceu varias etapas na estrada da vida, liberta de preconceitos e eivada do prazer que a vida lhe concede, por conquista ou acaso.
Que todos os dias sejam o dia da mulher !!!

Um abraço fraterno e um beijo amigo

ARFER

Carlos Albuquerque disse...

A mulher é, em si mesma, ela própria uma conquista.
Que assim continue a ser.
Também dela falei no meu espaço.
Abraço

CHIICO MIGUEL disse...

Gisa,
Já está chegando o dia da mulher, todas essas comemorações acho tolice, é para a mídia faturar. Mas bem que a mulher merece. Merce tudo, ou quase tudo, todas as honras e todo o afeto que os homens não sabem corresponder. Não sei o que seria do mundo sem a mulher, não o que seria dos homens, esses pigmeus diante do sexo oposto. Juca Chaves fez piada dizendo que a mulher não é o sexo oposto, é o ideal. Tá certo.
MAS, GIZA, DOU-LHE MEUS PARABÉNS PARA GRANDEZA DO SEU TEXTO, PELA CORAGEM E PELA SABEDORIA, NATURALMENTE POR VIVER E SER MULHER. APRENDI E APRENDO MUITO LENDO AS MULHERES, VOCÊ PRINCIPALMENTE.SEU TEXO É LINDO, COMO VOCÊ DEVE SER BELA.
Mas, eu gostaria de lhe passar um soneto meu sobre a mulher dos 30, não sei se você já conhece:
SORRISO DE GRAÇA

Francisco Miguel de Moura*

A secretária olhou-me de soslaio
E sorriu-me frente a frente,
Não um sorriso secretário:
Um sorriso de sumo bem...

E um sorriso assim, de graça,
Não passa, mesmo inseguro,
Vai ao coração mais duro:
– Uma forja de mil graus
Pra derreter quem passa
E ficará.

E eu fico entre o sorriso e a alma
Dela, lugar de saúde e calma,
Mesmo que em minúsculo instante.

“E é o céu na terra se há um céu por aqui”,
Salvai-a, Da Costa e Silva, para nós,
E o que vem dessa mulher que ri.
________
*Francisco Miguel de Moura, escritor brasileiro, já publicou cerca de 20 livros de poesias.
NOTA:
Desculpe, não encontrei o soneto, mas me cobra depois, o. k.?

Abraço de muito afeto
Chico

Letícia Nunes disse...

Santas mulheres! Nem tão santas, mas incrivelmente fascinantes!!!

Beijinhos Gisa

Letícia Nunes disse...

hihih Gisaaa nem te contooo...aceitei teu comentário e ele desapareceuuu!! Misteriosamente hihih Passa lá de novooo??

Bjinhos

Cristina Lira disse...

Muito criativo este texto..adorei cada linha.
Bjos...

Marinha disse...

Mulheres plenas não jogam para a torcida, como disseste, se alguém não gostar que vá embora. A mulher plena e dona de si joga pra si. E joga muito bem! :)
Bjo e um iluminado dia internacional da mulher.

Guará Matos disse...

Que sejam sempre assim. Mulheres.

Bjs.

Malu disse...

Puuuuuuura verdade! Eu tô bem na casa dos 30, exatamente na fase da busca pelo autoconhecimento e adorando esta fase.
Seu texto, aliás todos os que leio por aki são ótimos!
Parabéns pelo nosso dia.

Bjs.

Henrique Lima disse...

E hoje, aprendi mais pouco sobre as mulheres.rs
O que seria do mundo sem vocês mulheres, com seus jeitos e seus mistérios?
Ótimo texto Gisa!=)

Bjo!

Luís Coelho disse...

Agradeço muito as simpáticas palavras no lidacoelho.
Estou a atravessar uma fase complicada e escrevo desabafando a minha dor e solidão.
Os nossos filhos devem partir e enche-nos o coração vê-los bem. O meu partiu e deixou-nos um vazio muito grande.
Não queremos dizer-lhe nada. Por isso guardo para mim as palavras.
Talvez volte um dia e sinta quanto de bem nós lhe queríamos.
Talvez ele e a namorada aprendam quanto custa amar, perdoar e sorrir sem gritos nem lágrimas soltas.

Lufe disse...

Em todas as fases elas são deliciosas...
Tambem já tive meus arroubos de preferir as pseudo onipotentes dos vinte, as em busca do seu eu dos trinta e as mulheres plenas dos quarenta.
Confesso que mulher, mulher, é aquela que aprendeu a jogar....e que deliciosamente leva a vida sem ter mais nada o que provar.Ela é ela!
Só a maturidade as faz assim, saborosas....

bjo

Blog do Óbvio - Manoel disse...

Gisa, minha querida amiga. Muito bem bolada esta postagem. Salve os 40, né?!
Aproveito para parabenizar todas pelo famoso Dia Internacional da Mulher.
Um beijo carinhoso.
Manoel.

Andradarte disse...

Texto lindíssimo....Parabéns a todas as
mulheres. Que seria de nós sem vocês...
Beijo

AC Rangel disse...

Gisa,
Brilhante análise. Coisa de mulher inteligente. Aliás, coisa de mulher, porque todas inteligentes. Prazer em estar aqui e poder cumprimentara vc e a todas as tuas leitoras neste Dia Internacional dea Mulher.

beijos

Marília Felix disse...

Gisa, minha flor!
Passando aqui para deixar um abraço bem apertado!
Bjão!
=)

Cristina Lira disse...

Olá amiga...tudo bem?
Hoje é nosso dia! Na verdade, hj é apenas a data em que reconhecem nossos esforços, nossas qualidades e nossa dedicação em amar, pq dia da mulher é todo dia, mas hj é por demais especial, e vim aqui compartilhar o nosso dia com vc!
Bjos no coração, tudo de bom pra vc!

Clara disse...

Estou quase lá. Estou ansiosa. Lindo texto.

Beijo
Clara

dja disse...

Que texto lindoooooo
Concordo plenamente com vc

Lindas e maravilhosas mulheres que somos
Parabéns amiga querida

Beijos Gisa, meu carinho sempre pra vc lindona.

Zé Carlos disse...

Gisa, minha querida.
Na minha opinião de quem viveu bastante já, a mulher da faixa de 40 em diante é a perfeita.
Madura, equilibrada, tranquila e com aquele corpo próprio de mulher, no peso certo, carnes nos lugares, aqui que o mundo deveria parar só com mulheres de 40 anos e homens de 45.
Opinião de um vivido. Beijão querida.