sexta-feira, 4 de maio de 2012

VAGÃO

Saiu e a porta bateu atrás dela.
Não poderia mais voltar.
Que alívio!
Detestaria ter que explicar,
A todos que ficaram na sala,
Como o ar tornava-se mais puro
Quando estava longe deles!
Correu para não perder o último vagão
Que já estava de partida
No trilho do arco-íris.

6 comentários:

Mª LUISA ARNAIZ disse...

A veces los compromisos o las buenas intenciones asfixian y hay que huir de ellos.
Buen fin de semana, Gisa.

Silenciosamente ouvindo... disse...

Ainda bem que correu, não é?
Tenha um bom fim de semana,amiga.
Bj.
Irene Alves

ANTONIO CAMPILLO disse...

¡Menos mal! ¡Qué castigo! ¡Me marcho en el color violeta, el último vagón del tren del arco iris!
¡Era irresistible!
Cuando llegue a casa, en el azul, descansaré en el silencio.

Un fuerte abrazo, querida Gisa.

Flor de Jasmim disse...

Por vezes as explicações são terriveis de dar.
Bom fim de semana

Beijinho e uma flor

Rogério Pereira disse...

Se nesse trilho
Percorreres a cor amarela
Vais me encontrar...
Estou nela

OceanoAzul.Sonhos disse...

No trilho do arco-íris tudo é mágico...
beijos Gisa
cvb