quinta-feira, 13 de outubro de 2011

CORPO

Fecho os olhos e sou capaz de descrever todo esse mapa que chamas de corpo.
Conheço-te em meus desejos, em meus sonhos e na plenitude dos meus devaneios.
Conheço-te, apesar das barreiras físicas, pois não consegues barrar minha entrada pelas tuas pupilas.
Delirante incursão ao teu íntimo. Invasora, furtiva e, aparentemente, não aceita.
Sigo ponto a ponto, passo a passo pelos vãos da tua consciência.
Brinco pelas tuas complexidades.
Delicio-me com a tua convivência muda.
Quero explorar-te, um dia, não apenas para conferir o esboço que criei, mas para, principalmente, poder compartilhar contigo a pulsante energia dos dias de espera..

(Reedição)

15 comentários:

Carla Ceres disse...

Faz jus à reedição. É ótimo! Beijos!

difusosreflexos disse...

Ainda bem que reeditou!

Só posso agora desejar que este seu sonho se concretize, aliás seria justíssimo.

Beijinho
Ana Sofia

Arnoldo Pimentel disse...

O querer sempre trás consigo a esperança de ter.Beijos

@ Escritora disse...

Olá Gisa,

Gostei muito!

Obrigada pela visita e pelo comentário.

Estarei sempre por aqui lendo seus escritos...

Saudações

Sonia Guzzi disse...

Melhor ficar no sonho...e não perder a poesia rss
Lindo!
Gde abraço, em divina amizade.
Sonia Guzzi

ANTONIO CAMPILLO disse...

Soñar es bueno y es malo, Gisa.
Es bueno porque vivimos pendientes de ese sueño que crea una ilusión tan potente como la vida real.
Es malo porque cuando despiertas puede ser que la vida soñada sea divergente de la tuya propia.
Esperemos que cuando se consume el encuentro no se pierda la magia de lo soñado.

Un fuerte abrazo, Gisa.

Li disse...

Sonhar!! Que maravilha o poder do sonho! Nele, podemos acrescentar todas as nossas expectativas e vive-las da maneira que quisermos, afinal, é um sonho e sendo meu, faço dele o que quiser.
Beijo grande
Li

Rascunho em Palavras disse...

Meu Deus que perfeito,quero muito reviver tudo novamente.

Beijo,beijo

Gilmara Wolkartt disse...

Uma delícia de texto! Foi maravilhoso ler!
Gdbeijo

Rogério Pereira disse...

:-))

Natália Campos disse...

Encantadoras palavras, como sempre!!!

Beijos, Gisa :)

iglesiasoviedo disse...

Soñar, es ese don que tenemos los humanos y que alimenta nuestra alma y nuestra esperanza con la ilusión que nuestros sueños mas íntimos y deseados se hagan algún día realidad.
Un beso Gisa.

silvioafonso disse...

.


Pois foi assim que nos perdemos.
Era noite, alta madrugada. O leito
frio jazia sem teu corpo, sem teus
beijos, sem tua presença no meu
quarto. Tu vagavas tonta, perdida
nos viés da minha vida a procura
de uma fresta onde pudesses entrar
na minha alma. Foi na espiral enfu-
maçada dos teus sonhos que tu,
de mim fugiste.


silvioafonso






.

Luna Sanchez disse...

Adoro essas intensidades bem direcionadas...ui!

Beijos.

Dja disse...

hummmmm acorda lindona, e faz com ele uma linda poesia acordada rsss.

beijos querida.